Campanha contra o Sarampo e Influenza termina nesta semana
Publicado:
Comentários:0

As campanhas de vacinação contra a Influenza e o Sarampo para o público-alvo terminam na sexta-feira (3) e a Prefeitura de Simões Filho alerta a população que as atividades seguem acontecendo nas Unidades de Saúde de todo o município. A iniciativa é coordenada pela Secretaria da Saúde (SMS).

Vale lembrar que nesta etapa da Vacinação da Gripe, as equipes atendem o público dos grupos 1 e 2: Idosos com 60 anos ou mais; Trabalhadores da Saúde; Gestantes e puérperas; Povos indígenas; Professores; Comorbidades; Pessoas com deficiência permanente; Forças de segurança e salvamento e Forças Armadas; Caminhoneiros e trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso; Trabalhadores portuários; Funcionários do sistema prisional; Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas; População privada de liberdade; além de Crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias).

Já a vacina do Sarampo, como determinado pelos parâmetros do Ministério da Saúde, está direcionada aos: Trabalhadores da Saúde e Crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias).

Em 2021, a cobertura nacional da primeira dose da vacina tríplice viral foi de 71% e a da segunda de apenas 50%, de acordo com dados do Ministério da Saúde. Neste ano, o governo federal espera alcançar 95% do público infantil. Vale lembrar que o imunizante protege contra o sarampo, a rubéola e a caxumba.

Sarampo:

É uma doença infecciosa grave, causada por um vírus que pode ser fatal. Sua transmissão ocorre quando o doente fala, tosse, espirra ou respira próximo de outras pessoas. A única maneira de evitar o sarampo é pela vacina.

Vacina trivalente (Gripe)

A vacina Influenza trivalente utilizada pelo Sistema Único de Saúde (SUS) é produzida pelo Instituto Butantan. A formulação é constantemente atualizada para que a dose seja efetiva na proteção contra as novas cepas do vírus. A vacina será eficaz contra as cepas H1N1, H3N2 e tipo B.

Notícias Recentes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content